Puxe uma cadeira, pegue um café e viaje com a gente!
 

Vinhos de Altitude de Santa Catarina conquistam Indicação Geográfica 

Vinhos de Altitude de Santa Catarina conquistam Indicação Geográfica 

Mais um grande conquista do vinho brasileiro: os Vinhos de Altitude de Santa Catarina receberam a Indicação Geográfica. Trata-se da segunda Indicação Geográfica de vinho concedida pelo INPI à região vinícola de Santa Catarina. A primeira do estado foi para vinhos da uva híbrida Goethe. E a nova, para a serra catarinense! Parabéns, Vinhos de Altitude de Santa Catarina.

Vinhos de Altitude Santa Catarina

Mas afinal, o que é a Indicação Geográfica? 

Para o segmento de vinhos, essa é a nona Indicação Geográfica do Brasil. A Indicação Geográfica (IG), conferida pelo INPI, indica a origem geográfica do produto, demarcando que apenas produtos localizados em região delimitada podem usar a IG desde que sigam as normas estabelecidas. Mas a Indicação Geográfica vai além disso. Confere também valor e identidade à região e às marcas. A saber, muitas regiões de vinho têm indicações de procedência como as conferidas pelo INPI, vide França com suas apelações e a Itália com denominações de origem.

vinícolas em Santa Catarina

Brinde das gurias na vinícola Leone di Venezia de São Joaquim

Sobre Indicação Geográfica… 

  • indica geograficamente de onde vem o produto ou serviço
  • tem relação de um produto que indica sua localidade
  • O vinho do Porto em Portugal foi a primeira indicacão geográfica de forma jurídica – em 1756 
  • No Brasil,  uma lei regulamentou as Indicações Geográficas a partir de 1996.
  • Resumindo, a Indicação Geográfica garante a origem do produto, divide-se em IP (Inidicaçnao de Procedência) e DO (Denominação de Origem, mais restritiva do que a IP).

Sobre a Indicação Geográfica dos Vinhos de Altitude de Santa Catarina

Em 29 de junho de 2021, o INPI concedeu a Indicação Geográfica Santa Catarina para Vinhos de Altitude (serra catarinense) da espécie Indicação de Procedência (IP), para vinho fino, vinho nobre, vinho licoroso, espumante natural, vinho moscatel espumante e brandy. O pedido da IG foi solicitado pela Vinhos de Altitude – Produtores e Associados, em 2 de junho de 2020.

A área geográfica da nova IG Santa Catarina abrange 29 municípios que correspondem a 20% do território do estado catarinense. São eles: Água Doce, Anitápolis, Arroio Trinta, Bom Jardim da Serra, Bom Retiro, Brunópolis, Caçador, Campo Belo do Sul, Capão Alto, Cerro Negro, Curitibanos, Fraiburgo, Frei Rogério, Iomerê, Lages, Macieira, Painel, Pinheiro Preto, Rancho Queimado, Rio das Antas, Salto Veloso, São Joaquim, São José do Cerrito, Tangará, Treze Tílias, Urubici, Urupema, Vargem Bonita e Videira.

vinícolas em Santa Catarina

paisagem da vinícola Monte Agudo em São Joaquim, Santa Catarina

 

A vitivinicultura de altitude em Santa Catarina teve início nos anos 1990. Tudo indica que foram empresários da região como o da vinícola Vila Francioni que despertou a Região para a produção de uvas. A partir daí, outras vinícolas iniciaram projetos na área da serra catarinense. Atualmente, é o maior o polo da vitivinicultura de Santa Catarina. 


Alugue um carro para conhecer a Serra Catarinense !
Compare várias locadoras ao mesmo tempo no site da  RentCars e encontre o melhor preço!
Faça sua cotação e reserve!


Vinícola Villa Francioni Santa Catarina

degustação Villa Francioni

 

Quais são as Indicações Geográficas para vinhos e espumantes do Brasil

Com a nova Indicação Geográfica para os Vinhos de Altitude, o Brasil soma 9 indicações para vinhos e espumantes, sendo 7 Rio Grande do Sul e duas em Santa Catarina. A Indicação do Vale do Rio São Francisco está em processo de estruturação. 

Possivelmente, o Brasil se prepara para receber sua segunda Denominação de Origem. Tudo indica que ainda este ano Pinto Bandeira (RS) receberá DO para espumantes.  

Vale dos Vinhedos IP E DO  (RS)

Campanha Gaúcha IP  (RS)

Altos Montes IP  (RS)

Farroupilha IP  (RS)

Altos de Pinto Bandeira IP (RS)

Monte Belo IP (RS)

Vales da Uva Goethe IP  (SC)

Vinhos de Altitude IP (SC)


+ Leia também:

 8 vinícolas em Santa Catarina para visitar

10 vinícolas da serra gaúcha que você precisa conhecer

Tudo de Santa Catarina no Café Viagem

vinho uva Goethe Santa Catarina

Vale das Uvas Goethe, apriemira Indicação de Procedência de vinhos em Santa Catarina

 

Indicações Geográficas do Brasil

Atualmente, o Brasil tem em torno de 93 registros de Indicação Geográfica em vários segmentos além do vinho: 67 IPs nacionais e 26 denominações de origem (DOs). Aliás, o Chocolate Caseiro de Gramado acaba de conquistar a sua Indicação Geográfica também em 2021. 

Fonte: Site https://www.gov.br/inpi/pt-br/central-de-conteudo/noticias/inpi-concede-a-ig-santa-catarina-para-vinhos-de-altitude

Mais dicas de Vinho em Santa Catarina  no Café Viagem

Roteiro  vinícolas em Santa Catarina

+ Roteiro de Enoturismo em Santa Catarina completo 

Vinícola Abreu Garcia : vinhos, arqueologia, natureza e gastronomia

Visita Vinícola Leone Di Venezia, a Itália em Santa Catarina

Almoço e degustação na Vinícola Monte Agudo

O vinho da Uva Goethe de Urussanga, Santa Catarina

Leia aqui todos os posts com dicas de Santa Catarina no Café Viagem

 

Organize sua Viagem de Enoturismo para Santa Catarina

Encontre Melhores Hotéis e Pousadas em Santa Catarina 

Alugue carro em Santa Catarina em até 12x

Saiba mais sobre os vinhos de Santa Catarina e do Brasil em 

www.valesdauvagoethe.com.br

www.vinhodealtitude.com.br

Compartilhar este Post
Escrito por

Muito prazer, sou Alexandra Aranovich, autora do Café Viagem - blog para quem acorda sonhando com a próxima viagem. Sou publicitária e sommelier pela ABS-RS. Acima de tudo, turista apaixonada por café da manhã, vinhos e experiências gastronômicas. Moro em Porto Alegre, mas vivo com o coração no mundo.

Sem Comentários

DEIXE SEU COMENTÁRIO